Warning: session_start(): open(/tmp/sess_0a0bbf8c3b63dc7205c629a0867b4d15, O_RDWR) failed: Disk quota exceeded (122) in /home/poliveira15/public_html/wp-content/themes/Divi/header.php on line 1

Warning: session_start(): Cannot send session cookie - headers already sent by (output started at /home/poliveira15/public_html/wp-content/themes/Divi/header.php:1) in /home/poliveira15/public_html/wp-content/themes/Divi/header.php on line 1

Warning: session_start(): Cannot send session cache limiter - headers already sent (output started at /home/poliveira15/public_html/wp-content/themes/Divi/header.php:1) in /home/poliveira15/public_html/wp-content/themes/Divi/header.php on line 1
Novidades | Dr. Jaime Anger | Cirurgia Plástica


Resposta ao artigo Frankensteins – Folha de S. Paulo – de João Pereira Coutinho

Resposta do Dr. Jaime Anger ao artigo “Frenaksteins” escrito por João Pereira Coutinho em 11/03/2014   Caro Sr. Coutinho Sou Cirurgião Plástico e pratico em São Paulo, capital. Gostei muito do Sr. ter escrito o artigo. Apesar dos meus 38 anos de formado e 32 de C. Plástica, não tenho uma idéia clara do significado da figura do rosto da Sra. Kim Novak. Eu estou me referindo a dois pontos importantes: o que ela e outras que ficaram visivelmente não naturais pensam e refletem quando se vem no espelho, o que os parentes e amigos consideram (palpites, opiniões e críticas) e o que passa na mente do cirurgião que a operou, que envolve educação médica e foro íntimo. Que nós temos problemas hoje na especialidade, temos. Grande parte das cirurgias não são realizadas por cirurgiões treinados e certificados, mesmo nos EUA. Leio suas crônicas e percebo que o Sr. também não compreende tudo. Quanto a este tema e tantos outros, falta jornalismo investigativo com bases científicas, realismo honesto nas notícias e  busca da verdade. A sua crônica foi muito importante, diminuiu o fluxo de faces para operar no meu consultório, mas as que vieram , estavam mais conscientes e com mais dúvidas, isto foi bom. Mas ainda acho que, ao invés de sugestionar o leitor a visão do Médico Monstro, acho que seria útil o Sr. investigar, estudar melhor a mente humana e suas reações neste nosso mundo moderno, eletrônico e de soluções rápidas. Se não se aprofundar neste tema, o seu artigo terá sido apenas um lampejo de idéias vagas em um momento oportuno. Eu continuo tentando entender... leia mais

Frankensteins – Folha de S. Paulo – de João Pereira Coutinho

Quando as pessoas escutam a palavra “Frankenstein”, normalmente atribuem o nome ao monstro do romance de Mary Shelley. Erro, claro: factualmente falando, “Frankenstein” é o nome do médico que cria o monstro. Mas existe alguma verdade na confusão onomástica. Porque o verdadeiro monstro da história não é a criatura; é o criador. Na sua arrogância e insanidade, Victor Frankenstein é essa espécie de Prometeu moderno que recusa os limites da vida (e da morte) para transcender a nossa imperfeita condição terrena. Mary Shelley foi implacável na caracterização do médico e na sua ambição sacrílega e destrutiva. Para a infeliz criatura, as palavras da escritora são feitas de pura compaixão. Lembrei de “Frankenstein” quando assistia à última cerimônia do Oscar. Sobretudo quando saltei do sofá ao ver Kim Novak na tela para entregar uma estatueta qualquer. Momento nostálgico: Kim Novak é a atriz central de um dos meus filmes da vida —”Vertigo”, de Alfred Hitchcock— para além de outras aparições igualmente epifânicas em obras de Otto Preminger ou do incomparável Billy Wilder. Em termos estéticos, Novak só perdia para a colega de geração que emigrou para Mônaco —e mesmo aí, a doutrina divide-se: existe em Kim Novak uma sombra de perversidade que Grace Kelly, na sua beleza imaculada, nunca atingiu. Nem com Hitchcock. Mas divago. Então regresso ao Oscar e a 2014. E Novak, hoje com 81 anos, desfigurada a golpes de bisturi: o rosto petrificado; as frases murmuradas pela óbvia impossibilidade de as pronunciar com aqueles lábios que Jimmy Stewart beijou várias vezes; em suma, o “rejuvenescimento” da diva era mais ofensivo aos meus olhos do que qualquer envelhecimento... leia mais

Novidades



Warning: Unknown: open(/tmp/sess_0a0bbf8c3b63dc7205c629a0867b4d15, O_RDWR) failed: Disk quota exceeded (122) in Unknown on line 0

Warning: Unknown: Failed to write session data (files). Please verify that the current setting of session.save_path is correct (/tmp) in Unknown on line 0